quinta-feira, 4 de maio de 2017

Dia 4 - O DESAFIO DA NOVA GERAÇÃO




“O que ouvimos e aprendemos [...] não os esconderemos dos nossos filhos; contaremos à próxima
geração os louváveis feitos do Senhor, o seu poder e as maravilhas que fez.”
 (Sl 78.3,4)

As crianças do mundo de hoje vivem um momento fantástico. Nasceram num mundo com infinitas possibilidades, com novas tecnologias que tornam a mudança da vida diária tão rápida quanto
elas surgem. Twitter, Facebook, blogs, MSN, SMS são algumas das novas conexões feitas nos relacionamentos interpessoais. Todavia, há imensos desafios  neste novo cenário. Os adultos, que criam todas estas facilidades e recursos, não  têm sido modelo ou mesmo referência de vida. Vivemos
uma crise de valores, um tempo de frieza espiritual e abandono dos princípios cristãos.


A Bíblia nos orienta a ensinar à nova geração os mandamentos do Senhor. O texto fala sobre a seriedade de ensinar a nova geração a ser fi el, diferentemente de seus pais que tiveram um coração desleal para com Deus. O encontro de gerações, mediado pelos avanços tecnológicos, torna-se o principal desafio da década. A nova geração possui qualidades que não existiam no passado. E a melhor forma de ajudá-la é potencializar essas características, que a diferenciam para ensiná-la a fazer escolhas sensatas, baseadas em valores positivos e fundamentadas na Bíblia: a Palavra daquele que é o mesmo ontem, hoje e eternamente. Muito mais que novas tecnologias, nova geração precisa novos exemplos de vida,
pessoas que vivam o verdadeiro de Cristo e não apenas falem ele. Um belo discurso palavras elaboradas não esse grupo, que tão cedo a pesquisar Google as respostas de necessitam. Ouçamos os conselhos: “O que ouvimos e aprendemos... não os esconderemos dos nossos fi lhos; contaremos à próxima geração os louváveis feitos do Senhor, o seu poder e as maravilhas que fez” (Sl 78.3,4). Por maiores que sejam as mudanças tecnológicas do mundo moderno, não nos esqueçamos de transmitir à nova geração os louváveis feitos do Senhor.

Oremos
1. Por pais, mães, avós, tios, tias e irmãos que sejam fi éis a Deus e sejam modelos de vida para a nova
geração.
2. Para que a evangelização e o discipulado das crianças comecem na família.
3. Para que os pais ensinem os fi lhos a andar com Deus.
4. Pela transformação das famílias por meio do evangelho de Cristo.
5. Para que as crianças encontrem coerência entre o nosso discurso e a nossa vida.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...