terça-feira, 2 de maio de 2017

Dia 2 - EU E MINHA CASA SERVIREMOS A QUEM?


“Agora, pois, temei ao SENHOR e servi-o com integridade e com fidelidade; deitai fora os deuses aos quais serviram vossos pais dalém do Eufrates e no Egito e servi ao SENHOR. Porém, se vos parece mal servir ao SENHOR, escolhei, hoje, a quem sirvais: se aos deuses a quem serviram vossos pais que estavam dalém do Eufrates, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra habitais. Eu e
a minha casa serviremos ao
SENHOR.” (Js 24.14,15)

Gostaria que refletíssemos, à luz deste texto, sobre a preocupação de Josué com os lares do seu
povo. Ele os convoca a uma renovação da aliança, mas, para isso, deveria haver uma mudança radical; uma renovação da aliança para sair do esfriamento espiritual. Josué pontua algo extremamente grave: o legado negativo dos pais. Tal legado trazia destemor do Senhor, apego aos deuses estranhos e dedicação a eles. Temer a Deus é sentir um respeito profundo e uma devoção total a Ele. Josué apela para o povo  servir a Deus com integridade, isto é, com inteireza
de vida. Integridade mostra o caráter de alguém que faz o que disse que faria. O servir com
integridade anda bem perto da fidelidade. Deus quer de nós a mesma fidelidade que Ele tem
para conosco. Josué desejava lares aquecidos espiritualmente e, para isso, pediu algumas atitudes das
famílias do povo, as quais   os evemos ter ainda hoje, milhares de anos depois: 
• Temor
• Integridade no servir
• Fidelidade
• Abandono total dos falsos deuses

Creio que podemos aquecer nossos lares espiritualmente  o eliminarmos os “deusinhos” do século
XXI, como: trabalho, televisão, internet, lazer, vaidades, vícios e compromissos sociais, que tanto
tomam lugar do tempo de devoção ao Deus Vivo. Josué decidiu manter o seu lar aquecido, ao dizer:
“Eu e a minha casa serviremos ao Senhor”. Pense sobre isso durante estes 30 dias de reflexão.

Oremos:
1. Para que nossa família renove o compromisso de sair do esfriamento espiritual.
2. Para que nossa família renuncie toda forma de idolatria.
3. Para que nosso lar seja repleto de temor a Deus, integridade no servir e fidelidade.
4. Para que os deusinhos do século XXI não tomem o nosso tempo de devoção a Deus.
5. Para que todos os lares cristãos vivenciem genuinamente a declaração: “Eu e a minha casa serviremos ao Senhor”

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...