domingo, 29 de janeiro de 2012

OS VOLUNTÁRIOS DA TRANS EM SAPIRANGA

23:06




Boa noite e que Deus abençoe a sua vida. Eu gostaria que você participasse da nossa enquete que está aí ao lado, dê a sua opinião ficarei muito feliz. Bom eu quero compartilhar com você nesta postagem é que já estamos com os voluntários da TRANS (Jesus Transforma) conosco, eles chegaram ontem a noite e estão no bairro onde temos o pequeno grupo na casa da nossa ovelha Daniela, lá eles participaram do lanchinho que preparamos para eles iguarias do sul. São cinco irmãos faltaram duas mulheres, mas os que vieram, vão fazer o trabalho e estão animados são eles: Pr. Douglas Ponsiano de São João do Meriti RJ, Gabriela Braga Petrópolis RJ- Carolina Braga Petrópolis RJ- Lucas Cunha Curitiba, Thalles Sieplin interior de São Paulo. Amanhã irão sair em campo marcando estudos bíblicos nos lares, fazer caminhada de oração, vão fazer trabalho com crianças, vão passar 15 dias aqui em Sapiranga fazendo o trabalho do Senhor nos ajudando. Se Deus quiser haverá frutos nesta TRANS, orem por eles e por nós.

terça-feira, 24 de janeiro de 2012



A mobilização Jesus Transforma, ou Trans, como é mais conhecida, é uma ação missionária que envolve centenas de voluntários na proclamação do evangelho em cidades e bairros não alcançados, onde o conhecimento do verdadeiro Deus está ausente, objetivando ao fim a plantação ou a revitalização de uma igreja.
Ao fim de cada projeto, missionários nomeados por Missões Nacionais têm a responsabilidade de dar continuidade ao trabalho em cada cidade e bairro alcançado, firmando na fé os novos convertidos, estruturando liderança e, por fim, tornando a igreja auto-sustentável e com DNA missionário.
Participar de uma Trans é, acima de tudo, demonstrar paixão pelas almas perdidas e comprometimento com o Reino. Os que decidem viver essa experiência passam antes por um período de treinamento e capacitação, recebendo informações sobre o campo de atuação e aprendendo técnicas de evangelização arrojadas que ajudarão nos trabalhos de visitação, abordagem nas ruas, trabalho com crianças e serviço social.
Além de ser uma ótima oportunidade para praticar o Ide de Cristo, a Trans proporciona períodos preciosos de comunhão com batistas de várias partes do Brasil.
E no dia 28 vamos receber os voluntários aqui em Sapiranga, tudo está organizado por nós, faltam alguns detalhes pequenos pra resolver, mas Deus está na direção. Vamos dividir o grupo em dois, para trabalhar em dois bairros onde está funcionando os pequenos grupos e estamos com boas expectativas, eles passarão aqui 15 dias nos abençoando, peço orações por eles, por nós e pelo trabalho, não só aqui mais outras  estados e cidades que vão receber a TRANS.

sábado, 21 de janeiro de 2012

DESISTIR NUNCA!

21;31

Boa noite que Deus te abençoe e agradeço por visitar o nosso Blog. Em Julho deste ano vamos fazer 4 anos que estamos aqui em Sapiranga e cada dia que passa se confirma que foi a vontade de Deus que aqui chegássemos. É o nosso novo lar, novos amigos, novos irmãos e nova família que Deus nos acrescentou. Muito longe do nosso lar estamos, saudades sentimos, vontade temos as vezes mas Deus está conosco Ele nos chamou e cada dia nos capacita para a sua obra, aí daqueles que não fazem a vontade do Pai, sempre em sua vida ficará um vazio tremendo, pode até conquistar o que desejou, O VAZIO continua. Falo isso de experiência própria! Um povo diferente, totalmente diferente do nosso, a tradição fala mais alto eu respeito é claro. Um povo que aprendi a amar, povo sofrido, batalhador, mergulhado no pecado  distante do verdadeiro Deus que o criou, vidas estão sendo ceifadas, jovens se perdendo nas drogas, prostituição, famílias desestruturadas sem uma referência positiva. Isso precisa mudar, mas o povo precisa querer isso lá em seu íntimo. O povo que poderia ajudar também se encontra pedindo ajuda, por que os dias são maus, por aumentar o pecado o amor de muitos esfriará, muitos estão se acomodando, não querem sair de sua zona de conforto, não querem ir ao encontro do pecador estar junto, orando, ouvindo, conhecendo um ao outro, acham que só um dia na semana está muito bom para se encontrar, dizer olá, dar um abraço e pronto cada um vai para as suas casas. O desânimo é a arma mais poderosa que satanás usa contra  o ser humano e olha que ele tem conseguido tirar do coração do cristão o desejo de estar junto viver em comunhão, que isso ou aquilo não vai dar certo. Meu Deus onde vamos parar?????  O Senhor precisa de homens e mulheres comprometidos com a sua obra!!! Eu te peço meu Pai, que nos ajuda, por favor, que isto nunca chegue a acontecer conosco, não queremos desistir deste povo, pois eu sei que o Senhor nunca irar desistir de nós. OREM POR NÓS.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

100 DIAS QUE IMPACTARÃO O BRASIL

Em sintonia com o planejamento estratégico da CBB,promoveremos uma grande campanha de oração e evangelização de 100 dias em 2012.Serão 100 dias que impactarão o Brasil. Cremos que o poder da oração e do evangelho é capaz de impactar profundamente a nossa nação e mudar a sua história.
Com base em II Crônicas 7:14, Deus está pronto para agir em favor do seu povo para abençoa-lo. Mas é preciso se humilhar, orar, buscar a sua face e se converter dos maus caminhos. O povo de Deus no Brasil tem uma grande responsabilidade espiritual. Nós somos a esperança da nossa pátria. O Brasil foi descoberto no dia 22 de abril de 1500, e ao longo desses 512 anos nossa nação tem sofrido espiritualmente e muitos se perderam nas garras do mal. Perdemos muitas pátrias.
O nosso objetivo é orar e invocar o nome do Senhor durante 100 dias para estabelecer um novo marco na história do Brasil. Um novo 22 de abril. Um novo começo, não sob a égide da idolatria, corrupção, violência, mentira, falta de ética... mas sob a égide da oração, da Palavra de Deus, dos princípios cristãos e na total dependência do Espírito Santo.Oraremos por um grande avivamento espiritual e proclamaremos que JESUS TRANSFORMA.
Sei que vamos travar uma grande batalha espiritual: luz contra as trevas, mas não recuaremos pois será o tempo de uma grande colheita em todo o Brasil e o povo de Deus, unido e perseverante, experimentará uma grande vitória.
100 dias representam 2.400 horas, que representam 144 mil minutos – vamos orar sem parar durante este período. As igrejas batistas farão plantão de oração e os crentes assumirão períodos específicos para orar. O objetivo é formar uma “muralha de oração” durante 100 dias. Durante os 100 dias não ficará um segundo se quer sem chegar oração ao céu.
• Dividiremos as 24 horas do dia em quatro vigílias de seis horas. Portanto, serão 400 vigílias de 6 horas cada. Serão necessárias, no mínimo, 400 igrejas para assumir o compromisso de orar durante 6 horas, uma vigília, sem cessar, em um dos 100 dias. O objetivo é ter igrejas orando durante os 100 dias, sem parar. As igrejas poderão realizar mais de uma vigília neste período.
• 2.400 pessoas assumirão a responsabilidade por uma hora durante os 100 dias. Cada responsável por uma das 2.400 horas de oraçãomobilizará mais pessoas para orar e buscar a face do Senhor durante os seus 60 minutos. No mínimo mais 12 intercessores. Cada intercessor assumirá 5 minutos dos 60 minutos.
Cada responsável pela hora de oração deverá mobilizar pelo menos 12 pessoas para assumirem cinco minutos, cada uma, daquela hora.
• As igrejas realizarão quatro manhãs de oração no domingo (das 7h00 às 9h00).
• Os pastores formarão grupos com outros colegas para orar uma vez por semana (café com oração).
• Restaurar a oração na família. O líder da família reunirá todos os membros da família para orar uma vez por semana durante os cem dias.
• Todos os dias, ao meio dia, orar por um minuto – Minuto que Impacta e Transforma.
• Cada crente irá relacionar e orar por 10 pessoas que gostaria que se convertessem.
• Todos os crentes vão orar diariamente pelos motivos relacionados no livro da campanha.
• Organizar pequenos grupos de oração no trabalho, na escola, no condomínio, igreja, etc.
• Realizar uma grande campanha de evangelização em julho (TRANS 2012).
• Sala de oração na assembleia da CBB em Foz do Iguaçu – 100 horas de oração, sem cessar.
• Leitura das treze cartas do apóstolo Paulo e da carta aos Hebreus, somando100 capítulos da Bíblia durante os 100 dias.
Você e sua igreja não podem ficar fora dessa grande campanha de oração e evangelização. De qual lado você estará? Luz ou trevas? Ou vai se omitir?

Pr Fernando Brandão

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

FELIZ 2012 COM JESUS!

Um novo ano, e ninguém sabe para onde ir!


Para cada um de nós, o ano novo traz uma pergunta implícita: O que está por vir? O que terei de enfrentar? Como será minha vida neste novo ano? Através da história de Abraão, Deus nos dá mostras de que podemos confiar nEle.
Lemos no chamado capítulo dos heróis da fé: “Pela fé, Abraão, quando chamado, obedeceu, a fim de ir para um lugar que devia receber por herança; e partiu sem saber aonde ia” (Hb 11.8). O homem de hoje está concentrado em ter garantias e em ter um plano bem organizado. Ele quer saber por qual caminho seguir e se pergunta no que pode confiar. Resumindo: ele quer considerar todas as eventualidades para poder calcular de forma exata e com antecedência quais atitudes deve tomar. Dificilmente alguém estará disposto a ir para algum lugar ou a assumir alguma tarefa sem conhecer os detalhes, sem determinadas premissas e garantias. A história da vida de Abraão também toca a nossa vida. No começo havia incerteza, mas no fim ele se transformou em exemplo e até no pai de todos aqueles que crêem (Rm 4.11). O motivo foi a sua confiança inabalável no Deus vivo e em Suas promessas. A maior segurança em meio a todas as inseguranças deste mundo é crer na Bíblia.Abraão não podia fazer nada além de acreditar naquilo que Deus lhe dizia. Essa atitude de fé é o mais importante que uma pessoa pode ter. A vida de Abraão foi marcante porque ele obedeceu pela fé e atendeu ao chamado divino. Sua fé foi colocada em prática. Fé e ação andam juntas como o violino e o arco, ou como a chave e a fechadura de uma porta. Se falta uma parte, a outra é inútil, pois não há como tocar uma bela melodia, não há como abrir ou fechar a porta. Abraão tinha “somente” a palavra de Deus. O Senhor chamou-o a sair de seu país, a deixar seus relacionamentos e abandonar tudo o que tinha conseguido até então – sem saber para onde iria. Mas, olhando para o restante da história de sua vida, reconhecemos o maravilhoso objetivo que Deus alcançou com Abraão.

Entramos em um novo ano sem saber para onde ele nos levará. Talvez o Senhor Jesus tenha colocado em seu coração um certo fardo, um desejo de fazer alguma coisa em Seu Nome, e talvez você tenha de dar um passo ousado. Também pode ser que você tenha sido chamado por Deus para executar uma tarefa mas não sabe como continuar nem para onde isso o levará. Abraão simplesmente se pôs a caminho, impelido pelo poder da Palavra de Deus.
No começo deste novo ano é muito importante ter isto diante de nossos olhos: precisamos nos pôr a caminho, juntar forças a cada momento e orientar-nos para o alvo. E nosso alvo são as coisas de Deus. É perfeitamente possível que durante o trajeto sejamos assaltados pelo medo, pois a dor, a tristeza, as preocupações e outros sofrimentos podem surgir em nossa vida. Pode ser que às vezes fiquemos resignados no caminho. Mas isto não deve impedir-nos de continuar marchando em direção ao desconhecido, ao futuro – confiando nas firmes promessas de Deus. É exatamente nessa área da nossa vida que a nossa fé no Senhor precisa de um novo impulso.
Depois que Abraão chegou à Terra Prometida, ele teve de suportar muitos testes de sua fé. Enfrentou a tentação de confiar mais em sua própria carne do que no Senhor que havia lhe dado a promessa. Em algumas situações de crise, tomou as rédeas em suas próprias mãos e foi derrotado. Mas o Senhor, em quem Abraão tinha depositado sua confiança, não o deixou cair. No fim, triunfaram a fé de Abraão em Deus e a fidelidade de Deus para com Seu amigo. O autor da carta aos Hebreus descreve a fé de Abraão com as seguintes palavras: “Pela fé, peregrinou na terra da promessa como em terra alheia, habitando em tendas com Isaque e Jacó, herdeiros com ele da mesma promessa” (Hb 11.9).
Nós também podemos, neste ano recém-iniciado, manter a fé nas promessas de Deus, mesmo quando os outros não nos compreendem e mesmo quando nos vêem como “estrangeiros” em seu meio. A fé em Jesus Cristo, em quem todas as promessas têm o “Sim” de Deus e por quem é o “Amém” (2 Co 1.20), nos ajudará a superar tudo o que é passageiro nesta terra até chegarmos ao grande alvo final. O caminho da nossa existência vai da tenda passageira da vida terrena para junto do Deus eterno.
Não sabemos quando Jesus voltará; portanto, seria tolo tentar fazer algum cálculo. Mas uma coisa é certa: também neste ano podemos esperar pela volta de Jesus e pela Jerusalém eterna. Quer o Senhor volte neste ano ou não, quer vejamos o Arrebatamento ou tenhamos de morrer antes – o objetivo e a esperança é a vida eterna com o Senhor, que nos comprou por Seu precioso sangue e que voltará para a Sua Igreja. Um dia isto acontecerá: os mortos em Cristo e aqueles que ainda estiverem vivos serão arrebatados para a presença do Senhor (1 Ts 4.15-17) e terão sua morada na Jerusalém celestial (Ap 21.9-10).

Abraão acreditava nessa cidade. E quando foi convocado a sacrificar seu único filho, Isaque, a respeito de quem o Senhor tinha feito tantas promessas, ele “considerou que Deus era poderoso até para ressuscitá-lo dentre os mortos” (Hb 11.19).
Sejamos cristãos que esperam pelo seu Senhor, neste novo ano mais do que nunca! Então valerá também para nós a maravilhosa promessa: “Porque guardaste a palavra da minha perseverança, também eu te guardarei da hora da provação que há de vir sobre o mundo inteiro, para experimentar os que habitam sobre a terra” (Ap 3.10).

(Norbert Lieth - http://www.chamada.com/)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...